Mercados Futuros 14 de maio de 2019, 18:08h

Preço do boi de safra escapa de queda maior pela demanda da China, que empurra o outubro na B3

A safra do boi está em andamento, ao contrário do cadenciamento das vendas que muitos diziam que começaria com maio mais adentro. E não há mais fundamento que sustente a @ em SP, bem como logo mais nas outras praças, que ainda têm preços oscilantes.

A expectativa que pode estar sendo analisada agora, entre os quais por exemplo Gustavo Figueiredo, é que a China pesa a favor do boi commodity e pesa a favor no contrato de outubro da bolsa.

O diretor da AgroAgility crê que a @ só não despencou mais desde o começo do mês porque o animal com prêmio China se reflete no resto do mercado, tanto por não ter tanta exigência quanto o boi Europa e, mais ainda, pelo seu volume demandado.

E ele não vê chances de volta da firmeza até final de junho.

A Scot Consultoria trouxe estabilidade frente a sexta em São Paulo, mas registrou queda de R$ 1,00 no à vista (R$ 154) nesta terça (14) e de R$ 0,60 no prazo (R$ 156). Figueiredo viu R$ 155, contra o boi para os chineses, de quatro dentes e bem acabado, de R$ 157 ou pouco mais. Caio Toledo Godoy, da FC Stone, igualmente viu forte demanda por animais destinados ao país asiático que se socorre como pode com a mortandade de suínos atacados pela peste africana.

B3

Com o outubro a R$ 161 nno mercado futuro da B3, o valor e volume de negócios aumentando indicam que o mercado enxerga a força das compras chinesas no segundo semestre.

E outubro se alinha com o pico da entressafra do boi.

 

Fonte: Notícias Agrícolas

Compartilhe:



Comente no Facebook:

Desenvolvido por Investing.com

Livro

Mercados Futuros

Como vencer operando futuros

Adquira aqui seu exemplar
Acompanhe

Cotações Internacionais

100% gratuitas, veja agora

Facebook Notícias Agrícolas

Dúvidas sobre Mercados Futuros:

contato@operefuturos.com.br

Quer anunciar neste site? Entre em contato:

Publicidade Popular - (51)4042.9919 ou gabriel@m5agenciadigital.com.br